Apagão

Audiência sobre redução do preço da energia elétrica não dá em nada e consumidor vai pagar 18% mais caro

Não adiantou absolutamente nada a audiência pública realizada na Assembleia Legislativa Acre, na manhã da última sexta-feira (26), na qual deputados e o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepetone da Nóbrega, debateram sobre a possibilidade de redução da tarifa de energia elétrica no Acre. O senador e 1º secretário da Mesa Diretora do Senado, Sérgio Petecão (PSD), também participou do evento.

Os deputados foram unânimes quanto à afirmação de que no Acre se paga a energia mais cara do país. Em resposta, o senador Sérgio Petecão afirmou que nada poderia fazer em defesa dos consumidores.

Jenilson Leite, autor do requerimento da audiência pública, discursou contra o aumento/Internet

“Vamos tentar discutir numa boa esse assunto do preço da energia, que é tão delicado. Sabemos que pesa, sim, no nosso bolso [dos consumidores do estado], e até porque não adianta estrebuchar”, disse o senador.

Já o deputado federal Alan Rick (DEM) argumentou que a redução de apenas 3% no sobre o montante de 21% de aumento é injusto. “Já pagamos a energia mais cara do país. Aumentar mais 18% é um absurdo”, lamentou.

Por sua vez, o diretor-geral da Aneel foi mais que enfático ao afirmar que não meios de reverter a decisão. “Não é prerrogativa da agência dizer como devem ser feitos os cálculos [do reajuste]. Estamos apenas cumprindo a Lei 9.427/96”, disse ele.

A deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) ainda tentou argumentar que apesar de tarifa altíssimas, os serviços de distribuição são de péssima qualidade no estado.

“É inadmissível que tenhamos a energia mais cara do Brasil e ao mesmo tempo a pior prestação de serviços de distribuição. Nós, acreanos, não podemos pagar essa conta. Esses aumentos não cabem mais no nosso bolso”, afirmou.

Proposta pelo deputado estadual Jenilson Leite (PCdoB), a audiência pública reuniu também vereadores de vários municípios do estado, além de membros do Ministério Público Estadual.