Caminhoneiros canadenses fazem mega protesto contra o passaporte da vacina

Motoristas de caminhão no Canadá estão protestando contra os mandatos de vacinas em sua indústria com um mega comboio que pode quebrar recordes mundiais. “Tem 70 km de comprimento”, disse Benjamin Dichter, porta-voz do Freedom Convoy (Comboio da Liberdade) 2022, ao Toronto Sun. “Vi imagens de um avião. É impressionante.”

O Comboio da Liberdade partiu de Vancouver para Ottawa no domingo para protestar contra os mandatos de vacina do governo federal para caminhoneiros transfronteiriços, que entraram em vigor em 15 de janeiro. A Canadian Trucking Alliance estima que cerca de 15% dos caminhoneiros no país não estão totalmente vacinados, ou seja, cerca de 16.000 caminhoneiros. 

O Guinness World Records mostra que o comboio mais longo registrado ocorreu no Egito em 2020, chegando a quase 5 milhas de comprimento. 

“O maior desfile de caminhões consistiu em 480 caminhões e é realizado pelo Tahya Misr Fund (Egito), no Cairo, Egito, em 20 de novembro de 2020”, afirma o Guinness em seu site . “Com uma extensão de 7,5 km, o Tahya Misr Fund conseguiu organizar um desfile de 480 caminhões, em meio ao clima rigoroso e chuva forte, quebrando o título do Guinness World Records para o maior desfile de caminhões, conquistado há 16 anos no Holanda com um tamanho de desfile de 416 caminhões.”

O comboio dos caminhoneiros pode ser 10 vezes maior que o recorde se permanecer intacto na viagem à capital canadense. As estimativas dizem que 50.000 caminhões podem participar, informou o Toronto Sun.

O comboio planeja chegar a Ottawa no sábado para um protesto. 

O primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, disse que os participantes do protesto são uma “pequena minoria marginal que está a caminho de Ottawa e que mantém visões inaceitáveis”. “O que estamos ouvindo de algumas pessoas associadas a este comboio é completamente inaceitável”, continuou ele. 

Tópicos:

Nossa responsabilidade é muito grande! Cabe-nos concretizar os objetivos para os quais foi criado o jornal Diário do acre