Com ingresso do Sindicarnes, FIEAC aumenta sua base sindical

Mais uma vitória do associativismo e da busca pelo fortalecimento do setor produtivo acreano. A Federação das Indústrias do Estado do Acre (FIEAC) conta, agora, com 11 filiados. Na última sexta-feira, 25 de março, durante reunião ordinária da Diretoria, foi oficializado o ingresso do Sindicato das Indústrias de Frigoríficos e Matadouros do Estado do Acre (Sindicarnes/AC) ao rol das 10 entidades precedentes (Sinduscon, Sincepav, Sindusmad, Sinpal, Sindigraf, Sindicer, Sindpan, Sindmóveis, Sincon e Sindmineral).

Para o presidente da FIEAC, José Adriano, este é um momento de celebração. “Foi um longo processo para a fundação deste sindicato e agora estamos comemorando a finalização de seu processo de filiação. O associativismo tem como objetivo principal a união para a superação de dificuldades, a fim de gerar benefícios coletivos. A filiação do Sindicarnes nos mostra que a FIEAC tem seguido o caminho certo, inspirando e conscientizando cada vez mais os empresários locais para essa importância”, comemora o empresário.

De acordo com o presidente do Sindicarnes, empresário Murilo Leite, a entidade representa as indústrias de abate de bovinos, caprinos, ovinos, suínos, aves, búfalos e fabricação de produtos derivados de carne e de subprodutos derivados do abate. “Este segmento foi um dos que mais cresceram nos últimos 10 anos, mesmo enfrentando as dificuldades que todos passaram desde 2019 até o momento. Entendemos que os avanços do associativismo são animadores, por isso lutamos para conseguir nos organizar e nos filiar à FIEAC, que vem desempenhando um grande trabalho em prol da defesa de interesses do setor empresarial no estado”, destaca.

Tópicos:

Nossa responsabilidade é muito grande! Cabe-nos concretizar os objetivos para os quais foi criado o jornal Diário do acre