Decisão do STF sobre marco temporal: Socorro Neri celebra, enquanto produtores veem ameaça ao direito de propriedade

Em uma publicação nas redes sociais, a deputada federal Socorro Neri (Progressistas) comemorou a decisão do Supremo Tribunal (STF) que julgou como inconstitucional a tese do marco temporal para demarcação de terras indígenas. Segundo Socorro, a decisão é justa. 

“Um projeto inconstitucional que feria os legítimos interesses dos nossos povos tradicionais. Votei contra o projeto na Câmara dos Deputados e hoje celebro essa justa decisão do STF”, argumenta a deputada acreana. 

Por outro lado, o projeto é uma verdadeira bomba para os produtores brasileiros, atentando ferozmente contra o direito de propriedade e que deve ter consequências drásticas para o setor agropecuário.

Entidades e comissões ligadas ao setor afirmam que o fim do marco temporal pode expropriar milhares de famílias no campo, que há séculos ocupam suas terras, passando por várias gerações, que estão na rotina diária para garantir o alimento que chega à mesa da população brasileira e mundial.

Tópicos:

PUBLICIDADE

Preencha abaixo e receba as notícias em primeira mão pelo seu e-mail

PUBLICIDADE

Nossa responsabilidade é muito grande! Cabe-nos concretizar os objetivos para os quais foi criado o jornal Diário do acre