Crime bárbaro

Jovem baleado no Boa União continua em estado gravíssimo e família faz apelo para doação de sangue

O jovem Jonh Nash da Silva de Oliveira, de 27 anos, que foi baleado com doze tiros na noite do último sábado (22), enquanto participava de uma festa no bairro Boa União continua internado em estado gravíssimo na Unidade de Terapia Utensiva (UTI) do Pronto Socorro de Rio Branco.

Ele participava de uma festa de aniversário no bairro com a esposa e os três filhos quando um homem invadiu o local e efetuou os disparos. Segundo uma testemunha que não quis se identificar, a motivação do crime teria sido ciúmes após um vídeo da vítima dançando com a aniversariante ser divulgado em uma rede social. Adriele Cunha de Oliveira, de 24 anos, que estava próxima também foi atingida com um tiro na região lombar, mas não corre riscos.

Jonh Nash segue em coma induzido, com quadro considerado gravíssimo. Pelas redes sociais a família faz campanha para doações de sangue para salvar a vida do jovem.

Banner criado pela família para pedir doações de sangue para Jonh Nash. Foto/Redes Sociais