EITA!

“O TJ parece ser um braço do governo”, diz sindicalista sobre suspensão da greve da Saúde

O comando de greve da Saúde decidiu cumprir a decisão judicial em favor do governo do Estado que determinou o fim da paralisação dos trabalhadores deflagrada na última terça-feira, 10. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac), Adailton Cruz, disse que o sindicato recorreu da decisão e rechaçou de forma veemente a ordem dada pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJAC).

Presidente do Sintesac, Adailton Cruz./Foto: Reprodução

“Por enquanto a greve está suspensa por ordem judicial, mas estamos recorrendo e agora é aguardar. Infelizmente o Judiciário não parece um Judiciário, mas um braço do governo.”, disse à reportagem.

Uma nota assinada pelas principais lideranças sindicais da categoria foi emitida nesta sexta-feira, 13, informando a decisão e recomendando que os servidores que voltassem ao atendimento normal nas unidades de saúde da rede pública estadual.

“Com grande tristeza, comunicamos a todos os servidores da Sesacre, Fundhacre e

Pró-saúde, que a greve está suspensa provisoriamente, não por vontade dos sindicatos, mas em cumprimento da referida decisão judicial, devendo os servidores da saúde retornarem ao atendimento normal.”, diz a nota.

Em outo trecho, os sindicalistas reafirmam que irão recorrer da decisão uma vez que não foram ouvidos pela Justiça.

“Acreditamos que após alguns esclarecimentos sobre a realidade dos fatos a situação vai ser revertida, entendendo que a ordem de suspensão da greve é equivocada, provocado por um procedimento realizado sem ouvirem os sindicalistas.”, concluíram

Formam o comando de greve, além do Sintesac, o Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Acre (SEE/AC), o Sindicato dos Profissionais Auxiliares e Técnicos de Enfermagem e Enfermeiros do Estado do Acre (Spate/AC), o Sindicato dos Servidores em Laboratório de Análise Clínicas, Hemoterapia e Citopatologia do Estado do Acre (Sinthac), o Sindicato dos Biomédicos do Acre (Sindbiomed/AC), o Sindicato dos Farmacêuticos do Acre (Sindifac), e o Sindicato dos Condutores de Ambulância do Estado do Acre (Sindiconam/AC).