Rodrigo Pires destaca desafios e potencial do agro no Acre em entrevista ao Barone Cast

O fisioterapeuta clínico Dr. Renner Barone, host do Barone Cast, conversou na noite desta quinta-feira, 13, com o empresário e produtor rural Rodrigo Pires. Nascido em Porto Velho e publicitário de formação, Rodrigo tem uma trajetória de sucesso no mundo dos negócios, com uma forte paixão pelo agronegócio e pelo desenvolvimento do Acre.

Rodrigo começou sua jornada empresarial na Utilar, uma empresa familiar que atuou por 35 anos em vários estados brasileiros. “A minha escola foi a Utilar. Ela chegou a ter 35 anos com atuação no Acre, Rondônia, Amazonas, Mato Grosso, Roraima e Mato Grosso do Sul. Foi uma das empresas fundadas no Acre que chegou em bastantes estados”, relembra Rodrigo.

Sobre sua carreira, Rodrigo destaca a diferença entre ser um empreendedor e ser um empresário. “Eu sou empresário. As pessoas usam muito essa questão do empreendedorismo porque também é uma característica do comportamento humano. Eu sou empresário, porque o empresário é gestor de risco. Eu fui empreendedor, mas hoje eu trabalho com risco. Os meus negócios têm que dar dinheiro”, afirma.

Rodrigo também defendeu fortemente o agronegócio, apontando sua importância para o Acre e o Brasil. “Produtor rural é uma nova categoria. Quando em 1974, Wanderley Dantas chegou no Acre, só se falava em fazendeiros e por tudo que aconteceu politicamente no Estado, a imagem do fazendeiro foi muito deteriorada. Questão do desmatamento, grilagem de terras. Erroneamente. Mas hoje o Brasil está num outro momento, que é o dos produtores rurais. Os produtores são aqueles que conciliam sustentabilidade com eficiência dentro da sua propriedade rurais, respeitando as características que devem ser respeitadas”, explicou.

Ele ressaltou ainda a importância do setor agrícola para o estado: “Eu defendo muito o agro, gasto muita energia com isso, gasto dinheiro porque eu acredito no agro pro Acre, acredito no agro pro Brasil e pouca gente fala isso de bom coração. Até quando a imprensa pauta o agro positivamente eu parabenizo porque eu sei que tem uma corrente ideológica muito forte para depreciar o agro.”

Rodrigo também destacou o papel do governo do Acre no desenvolvimento agrícola: “Para se ter uma ideia, a porcentagem de crescimento do plantio de soja no estado desde 2018 com o governo do Gladson, isso é mérito dele. Pode ter coisas boas e ruins do Gladson, mas o Gladson foi o governador que abriu o Acre para a agricultura de grãos.”

Sobre o futuro do agronegócio no Acre, Rodrigo se mostrou otimista: “O Acre vai chegar a isso aí, já está chegando. São novos tempos e que nós não podemos voltar pro passado. Nós temos que olhar pro futuro. O que temos que fazer aqui é produzir.”

Ele também mencionou a importância da infraestrutura e segurança jurídica para os produtores rurais: “O produtor rural brasileiro, se ele tiver somente duas coisas: infraestrutura e segurança jurídica, ele não perde pra ninguém no mundo.”

Rodrigo destacou o apoio que o agronegócio recebe de parlamentares, mencionando o senador Alan Rick (União-AC), presidente da Comissão de Agricultura do Senado Federal. “Para mim, que sou do agro, é um orgulho ter o Alan Rick como presidente da Comissão da Agricultura do Brasil, um cara que cumpre as nossas bandeiras. É muito bacana, como tem o Roberto Duarte, o Coronel Ulysses na Câmara. E a gente consegue se relacionar com eles. Na Assembleia, o Gonzaga e o Nicolau são todos parceiros do agronegócio.”

Rodrigo também falou sobre os desafios de empreender no Brasil e, especificamente, no Acre. “Empreender no Brasil não é fácil, então você que às vezes tem um lugar bom, você tem que ter um prédio bom, é caro o metro quadrado, aí tem a energia, o contador e tudo. Na hora que você vai ver, você tem um custo fixo muito grande. Pra você controlar tudo isso no Acre não é fácil.”

Para conferir a entrevista completa e saber mais sobre a visão de Rodrigo Pires sobre o futuro do agro no Acre, assista ao episódio completo do Barone Cast.

Tópicos:

PUBLICIDADE

Preencha abaixo e receba as notícias em primeira mão pelo seu e-mail

PUBLICIDADE

Nossa responsabilidade é muito grande! Cabe-nos concretizar os objetivos para os quais foi criado o jornal Diário do acre