Agora vai?

Segurança Pública pretende alinhar polícias no combate ao crime no Acre

Em busca de resultados capazes de diminuir os altos índices de violência no Acre, o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Rocha, publicou portaria na manhã desta segunda-feira (6), no Diário Oficial, que alinha as polícias e também as atribuições no combate ao crime organizado.

A medida pretende definir um modelo de gestão operacional do Sistema Integrado de Segurança Pública, focado na melhoria da eficiência e da produtividade das instituições que compõem o Sisp.

Outro objetivo é otimizar as ações dos órgãos da segurança estadual, no que tange à prevenção e repressão de práticas delituosas.

O artigo 2º da referida portaria estabelece nova rotina de funcionamento e operacionalização da GRSISP, que deverá ocorrer por meio de reuniões de caráter permanente, em três diferentes níveis de atuação: estratégico, tático e operacional.

De acordo com o documento, as estatísticas e análises criminais servirão para a identificação dos principais infratores, os padrões das facções e as zonas ‘quentes’ de atuação dos bandidos. O levantamento também levará os fatores locais que influenciam na violência, o que dará maior clareza quanto às estratégias para as decisões e atuação conjuntas.

Em recente levantamento da violência no país, o Acre foi o segundo estado brasileiro que registrou a maior taxa de mortes violentas por 100 mil habitantes, quando comparados os anos de 2016 e 2017. Foram 530 assassinatos no ano passado, contra 368 em 2016.