ABSURDO

Toneladas de alimentos vencidos são apreendidos em penitenciária de Rio Branco

Pelo menos três toneladas de alimentos foram encontradas com datas de validade vencidas no frigorífico da penitenciária Dr. Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco. A inspeção foi realizada sob coordenação do promotor de justiça Tales Trainin, da Promotoria de Execução Penal e Fiscalização de Presídios, após receber denúncias de presos e de agentes penitenciários.

Os produtos – mortadela, ovo, linguiça toscana, salsicha, miúdos de suíno e carne – estavam sendo servidos aos detentos mesmo em estado considerado impróprio para o consumo humano, segundo o promotor.

Após constatar a situação, considerada grave, no frigorífico que é administrado por uma empresa privada, o promotor determinou que o material fosse recolhido pela Vigilância Sanitária Estadual e informou que irá instaurar um procedimento administrativo e outro criminal para apurar as responsabilidades.