Em Sinop, Bolsonaro deve realizar ato em praça pública antes de visitar feira do agronegócio

O ex-presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), retorna a Mato Grosso no dia 17 de abril para Mato Grosso, desta vez, para cumprir uma agenda com o agronegócio. Mesmo sem estar na programação como palestrante, ele é um dos convidados ilustres da Norte Show 2024, em Sinop (500 Km de Cuiabá), uma das maiores feiras do agro do Brasil.

Bolsonaro deve chegar ao município por volta das 12h50 e ir até Praça da Bíblia, onde haverá um ato. Em seguida, vai para o Parque de Exposições, onde é realizada a feira, na companhia do presidente da Associação de Criadores do Norte (Acrinorte), Moisés Debastiani, e o presidente do Sindicato Rural de Sinop, Ilson Redivo. 

Dentro do parque, Bolsonaro deve percorrer os estandes, conversar com os expositores e conhecer de perto o que há de tecnologia empregada no campo para alimentar o mundo. A região Norte de Mato Grosso, cujo principal cidade pólo é Sinop, é uma das principais produtoras de proteína vegetal do país e onde concentram agroindústrias. 

“O presidente vem como visitante, convidamos para que ele participasse e de prontidão ele aceitou. Ficamos felizes com o reconhecimento do nosso trabalho e pelo carinho com a população mato-grossense, especialmente desta região produtora”, comentou o presidente da Acrinorte, Moisés Debastiani. 

Como se trata de um dos maiores líderes políticos do país e ícone da direita brasileira, além da ida à Norte Show, a população de Sinop se prepara para receber o presidente com motociatas, ato de caminhoneiros e muitos cidadãos devem recebê-lo já no aeroporto. Em razão de tamanha demonstração de carinho, espera-se que ele leve até duas horas para fazer o trajeto do Aeroporto Municipal João Batista Figueiredo, Praça da Bíblia até o Parque de Exposições, com chegada estimada pela organização para às 15 horas.

Tópicos:

PUBLICIDADE

Preencha abaixo e receba as notícias em primeira mão pelo seu e-mail

PUBLICIDADE

Nossa responsabilidade é muito grande! Cabe-nos concretizar os objetivos para os quais foi criado o jornal Diário do acre